Novidades

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Apocalipse 3.14-22 Laodicéia: O Destino da Igreja Morna

Por Pastor Eliy Barbosa
10 de dezembro de 2009

Esta é a mensagem que é enviada a você por Aquele que é o Amém, a Testemunha Fiel e Verdadeira, o Princípio da criação de Deus.

Minha Noiva, Eu Sou o Amém, pois cumpro firmemente tudo o que digo. Toda Palavra que sai da Minha boca permanece firme. Sou a Testemunha Fiel e Verdadeira de tudo o que é, ou foi, ou será em qualquer tempo. Sou a Origem, o Governador e o Soberano da criação, por meio de quem Deus criou todas as coisas.

Eu a conheço bem! As Escrituras dizem que do mais íntimo de todo aquele que crê em Mim, sairão rios de águas vivas. Eu conheço o íntimo e o escondido do seu coração. E sei que você não é fria e nem quente...

Quem me dera que você fosse uma coisa ou outra! Como Eu gostaria que as águas que jorram de você fossem quentes. Que tivessem o calor necessário para curar a todos que estão feridos... Ou quem me dera que elas fossem frias. Como Eu desejaria que suas águas fossem um refrigério para os que estão exaustos!

Eu sei o que você tem feito. E lhe garanto que melhor seria que você fosse fria ou quente. Mas já que você é meramente morna, estou a ponto de vomitar você da Minha boca! Eu a cuspirei para fora, como água morna que provoca mal estar.

E você ainda diz: 'Estou rica, adquiri muitas riquezas, tenho tudo o que necessito'. Você trocou a pureza, a retidão e a sabedoria por sucesso e recursos materiais. Agora você tem fé somente em sua fé. Em vez de se submeter a Mim em confiança e descansar em Minha Palavra, você se esforça tanto para arranjar suas próprias soluções... Você é culpada de pensar que Eu te abandonei e te deixei entregue aos seus métodos de resolver as coisas por si mesma!

Você se considera abastada, acha que está bem de vida e que não lhe falta nada. É uma noiva que fica junto de Mim só pelos benefícios que colhe. Desfruta do Meu prestígio, da Minha fama, usando livremente Meu nome somente para melhorar a posição pessoal! Não reconhece, porém, que é infeliz, desgraçada e digna de compaixão. Você mesma resolveu tudo com as próprias mãos; dependeu de seus recursos; confiou em seu próprio raciocínio! Sim, você não se dá conta que é miserável, pobre, cega e nua!

Aproveita todo o luxo que Eu ofereço; mas gasta pouco tempo comigo. Se preocupa tanto com seu próprio conforto e seus próprios prazeres, enquanto mostra tão pouco interesse em Meu amor!




Trecho do livro "As Cartas de Amor de Jesus" do Pastor Eliy Barbosa, publicado pela Igreja Cristã Plenitude

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Download de Livros

Eliy Barbosa em

Para Saber +

Igreja Plenitude do Poder de Deus

Igreja Plenitude do Poder de Deus
Ministério Pastor Eliy Barbosa