Novidades

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

I Timóteo 1.15-16 Conforme Sua Infinita Graça

Por Pastor Eliy Barbosa
15 de janeiro de 2010

"O ensinamento verdadeiro e que deve ser crido e aceito de todo o coração é este: Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o pior. Mas foi por esse mesmo motivo que Deus teve misericórdia de mim, para que Cristo Jesus pudesse mostrar toda a sua paciência comigo. E isso ficará como exemplo para todos os que, no futuro, vão crer nele e receber a vida eterna." (I Timóteo 1.15-16)

Nos armários da mente todos possuem pensamentos inadequados até mesmo para suínos. São segredos que ninguém ousa dizer. As dores da lembrança do passado, os pensamentos contraditórios e as emoções e desejos sufocantes que as assolam.

As pessoas tentam disfarçar sua decadência, se cobrindo com o "véu da inocência" da cultura, da filantropia e do status social. Mas de alguma maneira Deus vê o homem como ele é. E mesmo assim escolhe em manifestar diariamente o poder de Sua Graça.

O Evangelho de Jesus é sempre provocador e desafiante: "Se você não nascer de novo, nunca poderá entrar no Reino de Deus" (João 3.3). Esta verdade de Jesus remove toda a segurança que as pessoas têm em suas próprias atitudes. Elas se sentem seguras e poderosas em sua fortaleza de mentiras. E protegem suas mentiras erguendo muros de desculpas e justificativas. Mas não importa quão boa e quão nobre a pessoa seja. Nada disso poderá garantir sua entrada no Reino de Deus.

Ainda mais que a auto-justificação é a medida da felicidade do “mundo”. Sem a auto-justificação a vida de quem está no “mundo” perde o sentido: o que adianta o seu caráter? E a sua compaixão pelas outras pessoas? De que valeram tantas boas ações? Já que tudo isso é em vão e sem efeito para a salvação. Sem a auto-justificação “o mundo” teria que reconhecer que a sua consciência está anestesiada por uma ilusão, e que a paz que desfruta é falsa!

Ninguém pode viver longe, afastado, ausente do amor de Deus. É por nossas próprias culpas que merecemos a condenação eterna. Permitimos sermos motivados por nossos desejos que nos escravizam e nos fazem afundar mais e mais na lama do pecado.

Eu sei que a minha vida seria uma perda, um desperdício inútil se não fosse a Graça de Deus. Mas através de Jesus nossas vidas foram justificadas com Sua morte na cruz. Ninguém consegue compreender plenamente porque Ele escolheu enfrentar a dor e a morte. Mas você pode ter certeza que Ele fez isso por sacrifício e amor.

E agora, cobertos com o Sangue do Filho de Deus, não temos mais que pagar o preço.

“Mas agora Deus mostrou-nos uma maneira diferente de ser justo aos seus olhos (...). Esta justiça de Deus vem pela fé em Jesus Cristo a todos que crêem. E todos nós podemos ser salvos nesta mesma maneira, não importa quem somos ou o que fizemos”. (Romanos 3.21-22)

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Download de Livros

Eliy Barbosa em

Para Saber +

Igreja Plenitude do Poder de Deus

Igreja Plenitude do Poder de Deus
Ministério Pastor Eliy Barbosa