Novidades

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Mateus 25.27 Obsessão Por Segurança

Por Pastor Eliy Barbosa

14 de janeiro de 2010

O relacionamento com Deus exige transparência, mas aquele servo “escondeu” o talento. O medo nos leva a mentir para Deus. Temos medo de confessar as nossas fraquezas, as nossas dúvidas, as nossas incertezas. E isso nos leva a uma vida inteira de mentiras, desculpas e pedidos a Deus de coisas que não desejamos realmente. Quem têm medo vive em insinceridade, hipocrisia e mentira com Deus.

E aquele servo não estava disposto a correr nenhum risco pelo seu senhor. Ele poderia ter depositado aquele valor em um banco e o senhor receberia pelo menos com juros (Mateus 25.27).

Ele estava cheio de pensamentos terríveis e preocupantes: “Eu poderia... Se eu fosse... Eu não estaria... Será que... E se...”. Sua conclusão: “Que outros vivam, trabalhem e morram pelo Senhor, eu tenho mais o que fazer”.

O servo havia entregue todo seu tempo e energia aos seus próprios interesses. Agora estava carregado de dúvidas e pecados, sem autoridade espiritual para negociar os talentos do seu Senhor. O medo tirou a sua autoridade. Por isso as coisas do Senhor estavam enterradas.

Ele era um servo preocupado com seu próprio bem estar, sem perspectiva de “futuro” nas coisas do Senhor, não tinha tempo para gritar “poupa o teu povo, ó Senhor” (Joel 2.17). Não se fortalecia mais na alegria do Senhor, não acreditava no amor de Deus.

Muitos trabalham e estudam duramente, mas não têm tempo para o chamado e a visão. Qualquer assunto é mais prioritário do que a vida cristã. Quando puderem eles “ajudarão”, talvez nas horas livres. Ignoram que quando falhamos em cumprir os propósitos de Deus, a visão não se torna realidade.

Deus procura pessoas dispostas a arriscar tudo. Que dispensem a segurança e se arrisquem em águas profundas. Que invistam tempo e dinheiro para tornar a visão em realidade.

Jesus não morreu para que você tivesse uma atividade religiosa, alguma coisa interessante para fazer no final de semana. Também não foi para você conseguir uma ocupação nos tempos livres. E não foi para que alguém tivesse uma carreira eclesiástica: diácono... presbítero... pastor... bispo... apóstolo... ungido...

Ele morreu para a Sua salvação. E nos chamou para crescermos em Sua Imagem e em Sua Semelhança.

Sua vontade era que você recebesse Sua Graça, mas não que se tornasse um sedentário espiritual. O sedentário espiritual é alguém que não é capaz de se mover ou de fazer coisa alguma no Reino. Ele ignora que cada um de nós possui somente a sua própria época, a sua geração para anunciar o Evangelho. E essa missão é somente SUA, de mais ninguém.

O sedentário busca sua própria espiritualidade e a comunhão pessoal com o Espírito Santo – e nada mais. Dá conselhos e palpites, mas não se arrisca em nada. Sabe o que Deus espera dele, mas está tomado pelo medo que Deus possa lhe chamar. Quer todas as garantias humanas que estará seguro, respaldado financeiramente.

Considera suas coisas mais importantes do que a obra de Deus. Vive para os méritos e honras da terra. Pois Jesus disse que se as riquezas, as prioridades estiverem no céu, o seu coração também estará lá (Mateus 6.21).

Agora para o sedentário espiritual só lhe resta destroços, pois optou por prioridades erradas, optou por segurança. Não conhece o caráter de Deus. É essencialmente covarde.

Em seus conceitos de segurança não sabe que aquilo que Deus exige NUNCA ultrapassa as possibilidades de cada pessoa.


Trecho do livro "Tire Deus do Armário" de Pastor Eliy Barbosa - Igreja Cristã Plenitude

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Download de Livros

Eliy Barbosa em

Para Saber +

Igreja Plenitude do Poder de Deus

Igreja Plenitude do Poder de Deus
Ministério Pastor Eliy Barbosa